"Para qualquer brasileiro a data seria inesquecível - dia 06 de setembro à noite embarque no aeroporto do Galeão, e dia 7 de setembro às sete da manhã chegada em Nova Iorque (1964). No anoitecer do dia 6, no terraço do apartamento de minha tia no Rio de Janeiro, aconteceu algo que alem de ter-me tocado profundamente, ficou marcado pro resto da minha vida. De repente, em meio a toda agitação natural de qualquer viagem "primeira vez" para Nova Iorque, me vi sozinho no terraço. Envolto na linda noite carioca me perguntava, que loucura era aquela que me atirava num foguete em direção aos Estados Unidos? Uma passagem de ida e volta pela Varig, 50 dólares (emprestados) no bolso e mais uma promessa de 500 dólares do Itamarati. Era uma aventura mesmo! Mas por quê? - se ao menos eu tivesse uma dica, um sinal... Foi aí que uma doce estrela cintilante riscou o céu azul marinho como que me dizendo "vai que é quente". Eu fui e a estrela estava certa."

 

Luiz Henrique

1/1
lh instagram nome fundo transp.png

Official Luiz Henrique

Laércio de Freitas escuta a faixa "Jandira" do álbum Mestiço | Official Luiz Henrique

Official Luiz Henrique
Laércio de Freitas escuta a faixa "Jandira" do álbum Mestiço  | Official Luiz Henrique
Laércio de Freitas escuta a faixa "Jandira" do álbum Mestiço  | Official Luiz Henrique

Laércio de Freitas escuta a faixa "Jandira" do álbum Mestiço | Official Luiz Henrique

05:38
Reproduzir vídeo
“Improviso em Em”  segunda faixa inédita que encontramos  | Official Luiz Henrique

“Improviso em Em” segunda faixa inédita que encontramos | Official Luiz Henrique

04:32
Reproduzir vídeo
Mais da trajetória de Luiz Henrique por Flora Purim e Airto Moreira | Official Luiz Henrique

Mais da trajetória de Luiz Henrique por Flora Purim e Airto Moreira | Official Luiz Henrique

02:07
Reproduzir vídeo
Primeira sessão de restauro das fitas Masters do Mestiço | Official Luiz Henrique

Primeira sessão de restauro das fitas Masters do Mestiço | Official Luiz Henrique

04:15
Reproduzir vídeo